Portuguese Arabic Chinese (Traditional) English French German Italian Spanish

Sandra Souza

Aos 18 anos comecei a namorar e meus pais se divorciaram o que me afetou profundamente. SOFRI MUITO!! Então, aos 19 anos, resolvi me casar para suprir minha carência emocional.

Tive uma infância que toda criança gostaria de ter. Meus pais sempre foram dedicados a família. Estudei em Colégio de Freiras, sempre fui uma filha obediente e uma jovem pacata que nunca se envolveu em brigas ou confusões. A partir dos doze anos, passei a andar sozinha, tinha pouquíssimos amigos e vivia em meu mundinho. Por isso sempre era criticada por todos e, na maioriadas vezes, eu perguntava para Deus o motivo de ter vindo ao mundo e porque que me sentia tão sozinha.

Depois de casada me sentia feliz porque vivia muito bem com meu marido, éramos considerados “O casal 20”.  Depois de 6 anos nos divorciamos. A minha vida estava sem direção, então decidir ir a um restaurante encher a cara. Queria tomar todas!!! Precisava esquecer dos meus problemas literalmente e achava que um porre naquele momento seria a solução. Como conhecia um dos garçons, pedi logo uma dose dupla de conhaque e tomei, logo em seguida pedi outra dose... foi exatamente no momento em que eu ia levar a bebida a boca ouvi uma voz muito forte que falou ao meu coração: É isso que o inimigo quer! Levar você a afogar as mágoas na bebida assim como outros dos seus familiares que eram alcoólatras e que morreram por causa da cachaça. Naquele mesmo instante joguei o conhaque fora e nunca mais tentei beber qualquer tipo de bebida alcoólica.

Depois disso, tive um sonho onde um homem me perseguia por uma estrada muito longa, quando eu não aguentava mais correr, uma mulher apareceu em minha frente, abriu o portão da sua casa e me disse: entre aqui, porque aqui ele não pode te pegar. Quando entrei, aquele homem ultrapassou as grades do portão e caiu aos meus pés já transfigurado numa máscara. Naquele momento a máscara se transformou num besouro e aquela mulher me colocou nas mãos um pedaço de madeira branca e eu matei aquele inseto. Acordei assustada com tudo aquilo sem entender o que significava. Algumas semanas após o sonho, saí da casa onde morava com meu marido para novamente  morar com minha mãe. Mais uma vez o inimigo tentou de todas as formas me tentar. Ele queria me jogar na prostituição, mas eu tinha posto em meu coração de não me relacionar com ninguém naquele período. Então ele não se deu por satisfeito e começou a usar meus familiares na tentativa de me humilhar e ofender com palavras que me machucavam muito. Eu sempre me refugiava em meu quarto e só chorava reclamando com Deus sem saber o motivo de todo  aquele sofrimento.  

O meu cunhado vendo a minha dor me chamou para visitar a casa de uma missionária num distrito próximo.  Quando cheguei naquele lugar, a casa e o caminho eram os mesmos do sonho que eu havia tido. A partir de então iniciou-se minha caminhada com Deus. Aquela mulher que Deus me mostrou no sonho foi a mesma que me evangelizou, discipulou e cuidou de mim.  Através dela encontrei um amor verdadeiro e incondicional por minha vida e que fez de mim o que sou agora, também me ensinou o que era seguir a Jesus e o significado de entregar a minha vida a Ele.  Hoje minha carência foi curada porque encontrei a verdadeira felicidade e razão de viver, tudo que faço é para glorificar o nome do meu Senhor Jesus Cristo.

Sandra Souza

Write a comment...
0 awesome comments!
Missões Urbanas

Trabalhando Para Alcançar Pessoas

Website: www.missoesurbanas.com

Log in or Sign up

Login